Campeonato Paulista do Interior de Futebol

Aspeto mover para a barra lateral ocultar
Campeonato Paulista do Interior
Campeonato Paulista do Interior de FutebolLogotipo da edição de 2021.
Dados gerais
Organização Federação Paulista de Futebol
Edições 15
Local de disputa São Paulo
Sistema misto

O Campeonato Paulista do Interior, também conhecido como Troféu do Interior, foi uma competição de futebol organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF) e disputada paralelamente ao Campeonato Paulista. Essa competição tinha a responsabilidade de indicar o campeão e o melhor clube do interior do estado de São Paulo, excluindo aqueles que avançaram para as finais da competição principal e o Santos.

Ao longo da história, diversos campeonatos e títulos honoríficos com a mesma temática foram realizados ou distribuídos. No entanto, em 2021, a entidade lançou uma enciclopédia e homologou 104 títulos estaduais de diversos clubes, tanto em atividade quanto extintos. Como resultado, vários campeonatos do interior foram homologados como edições da segunda divisão estadual.

Para a FPF, a primeira edição da competição foi realizada em 2007 e vencida pelo Guaratinguetá. Em 2023, foi extinta e substituída pela Taça Independência.

História

No ano de 2007, a FPF organizou um torneio paralelo ao Campeonato Paulista, composto pelas equipes do interior que tiveram melhor desempenho. Na primeira edição desse torneio, o Guaratinguetá, em seu primeiro ano na primeira divisão estadual, teve uma campanha marcada pela falta de regularidade durante a primeira fase, alternando entre bons e maus resultados, resultando em sete vitórias e oito derrotas. O clube terminou a fase em décimo lugar, somando 25 pontos, resultado que garantiu a última vaga para o Troféu do Interior, graças à não classificação de Corinthians e Palmeiras. Na semifinal, enfrentou o Paulista de Jundiaí e venceu ambos os jogos, avançando para a final. Na decisão, enfrentou o Noroeste, e após um empate no primeiro jogo, conseguiu a vitória na partida de volta, garantindo o título com um gol nos minutos finais. O clube de Bauru, por sua vez, retornou à decisão em 2008, mas novamente foi derrotado, dessa vez para o Grêmio Barueri. Em 2009, a Ponte Preta conquistou o título ao superar o próprio Grêmio Barueri na final do torneio.

Na quarta edição, em 2010, o título foi conquistado pelo Botafogo, que venceu o segundo jogo contra o São Caetano pelo placar mínimo. Isso resultou em um empate no placar agregado do confronto, e o Botafogo garantiu a conquista devido a ter uma melhor campanha do que o adversário na competição. No ano seguinte, o Oeste, na época sediado em Itápolis, venceu a Ponte Preta por 3 a 0 no segundo jogo da final, revertendo a desvantagem do primeiro jogo, em Campinas. O Mogi Mirim conquistou o título em 2012, vencendo o Bragantino por 4 a 2 em ambos os jogos da final. Por outro lado, a Ponte Preta ficou com o troféu em 2013.

Entre 2014 e 2015, o torneio não foi realizado, e os clubes do interior com as melhores campanhas naqueles anos, Ponte Preta e Penapolense, foram declarados campeões. O torneio retornou em 2017 com um novo formato, envolvendo seis clubes participantes divididos em dois grupos, com os líderes de cada grupo avançando para a decisão. Ituano e Ponte Preta conquistaram o título nos dois anos em que esse formato foi adotado.

A partir da edição de 2019, o formato foi mais uma vez alterado para incluir jogos eliminatórios. Os últimos campeões do torneio foram o Red Bull Brasil em 2019, o Red Bull Bragantino em 2020, o Novorizontino em 2021 e o Ituano em 2022. Em 16 de novembro de 2022, a FPF anunciou a Taça Independência, competição que substituiu o Campeonato do Interior.

Campeões

Títulos por clube

Pos Clube Títulos Vices Semifinais
1.º  Ponte Preta 4 3 2
2.º Bandeira=Itu Ituano 2 2
3.º  Botafogo-SP 1 1 2
4.º  Red Bull Bragantino 1 1 1
5.º  Grêmio Barueri 1 1
 Penapolense 1 1
7.º  Oeste 1 3
8.º  Guaratinguetá 1
 Mogi Mirim 1
 Novorizontino 1
 Red Bull Brasil 1
12.º  Noroeste 2
13.º  Mirassol 1 5
14.º  Santo André 1 1
 São Caetano 1 1
16.º  Guarani 1
17.º  Inter de Limeira 2
18.º  Água Santa 1
 Linense 1
 Paulista 1

Títulos por cidade

Pos Cidade Títulos Vices Semifinais
1.º Campinas 5 4 2
2.º Barueri 2 1 3
3.º Itu 2 2
4.º Ribeirão Preto 1 1 2
5.º Bragança Paulista 1 1 1
6.º Penápolis 1 1
7.º Guaratinguetá 1
Mogi Mirim 1
Novo Horizonte 1
10.º Bauru 2
11.º Mirassol 1 5
12.º Santo André 1 1
São Caetano do Sul 1 1
14.º Limeira 2
15.º Diadema 1
Jundiaí 1
Lins 1

Notas

  1. O Red Bull Brasil esteve sediado em Campinas até 2021, quando mudou-se para Bragança Paulista. Os títulos e vices estão atribuídos à cidade onde o clube estava sediado na época da conquista.
  2. O Red Bull Brasil esteve sediado em Campinas até 2021, quando mudou-se para Bragança Paulista. Os títulos e vices estão atribuídos à cidade onde o clube estava sediado na época da conquista.
  1. a b Nos anos de 2014 e 2015, o torneio não foi disputado; em vez disso, os clubes com as melhores campanhas foram declarados campeões.

Referências

  1. André Luiz Pereira Nunes (27 de setembro de 2021). «André Luiz Pereira Nunes – Gol de placa: Federação Paulista homologa 104 títulos esquecidos». Diário do Rio. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 26 de julho de 2022 
  2. «Todos os campeões». Federação Paulista de Futebol. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 12 de agosto de 2023. =Para verificar a informação, o leitor deve acessar a aba denominada "Troféu do Interior". 
  3. «Paulistão: Troféu do Interior dá lugar à Taça Independência». Portal Morada. 16 de novembro de 2022. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  4. Léo Lenzi (5 de maio de 2020). «Neste dia há 13 anos: Guaratinguetá vence Noroeste fora de casa e é campeão paulista do interior». ge. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 9 de junho de 2023 
  5. «Barueri goleia o Noroeste e conquista o título do Interior». UOL. 3 de maio de 2008. Consultado em 6 de setembro de 2023. Arquivado do original em 3 de abril de 2017 
  6. «Ponte Preta conquista o Título do Interior do Paulistão»Subscrição paga é requerida. O Estado de S. Paulo. 2 de maio de 2009. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 19 de maio de 2017 
  7. «Botafogo vence São Caetano e leva o Torneio do Interior»Subscrição paga é requerida. O Estado de S. Paulo. 1 de maio de 2010. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  8. «Oeste vence a Ponte por 3 a 0 e é campeão do Torneio do Interior». GloboEsporte.com. 8 de maio de 2011. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  9. «Mogi Mirim é o campeão do Torneio do Interior 2012». CBN Campinas. 12 de maio de 2012. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  10. «Ponte Preta atropela Penapolense e é campeã do Torneio do Interior». UOL. 18 de maio de 2013. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  11. «Guerreiro, Penapolense termina como Campeão do Interior». Futebol Interior. 31 de março de 2014. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 9 de julho de 2023 
  12. «Com Ponte campeã do Interior, vagas à Série D ficam para RB Brasil e Bota». GloboEsporte.com. 12 de abril de 2015. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 26 de maio de 2022 
  13. «Ituano é campeão do Troféu do Interior». Periscópio. 3 de maio de 2017. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  14. «Em Campinas, Ponte Preta derrota o Mirassol e é campeã do Troféu do Interior»Subscrição paga é requerida. O Estado de S. Paulo. 2 de abril de 2018. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  15. «Paulistão: Red Bull vence Ponte Preta nos pênaltis e é campeão do interior». Placar. 16 de abril de 2019. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  16. «Red Bull Bragantino é campeão do Troféu do Interior». Portal Morada. 4 de agosto de 2020. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  17. «Novorizontino derrota Ponte Preta e conquista título do Troféu do Interior». Gazeta Esportiva. 20 de maio de 2021. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 22 de maio de 2021 
  18. «Ituano conquista o Troféu do Interior e a vaga na Copa do Brasil». R7. 31 de março de 2022. Consultado em 2 de abril de 2022. Cópia arquivada em 1 de abril de 2022 
  19. «Substituição no Paulistão: sai Troféu do Interior, entra Taça Independência». Federação Paulista de Futebol. 16 de novembro de 2022. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  20. Danilo Sardinha (21 de junho de 2020). «Clubes do passado: Campeão do interior, Guará já teve Rivaldo e César Sampaio como gestores». ge. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 15 de dezembro de 2021 
  21. «Barueri goleia Noroeste e é o campeão do interior». Diário do Grande ABC. 3 de maio de 2008. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  22. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  23. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  24. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  25. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  26. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  27. «Regulamento do Campeonato Paulista de Futebol de 2014» (PDF). Federação Paulista de Futebol. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada (PDF) em 6 de setembro de 2023 
  28. «Regulamento do Campeonato Paulista de Futebol de 2015» (PDF). Federação Paulista de Futebol. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada (PDF) em 6 de setembro de 2023 
  29. «Ituano é campeão do Troféu do Interior 2017». Cruzeiro do Sul. 28 de abril de 2017. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 5 de julho de 2017 
  30. «Ponte Preta vence Mirassol e é campeã do Troféu do Interior». R7. 2 de abril de 2018. Consultado em 6 de setembro de 2023. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2023 
  31. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  32. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  33. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:
  34. Para facilitar a visualização, as seguintes fontes foram compiladas:

Ligações externas