(Eu Sou) O Seeker



Todo o conhecimento que os humanos acumularam ao longo dos séculos sobre (Eu Sou) O Seeker está agora disponível na Internet, e compilámo-lo e organizámo-lo para si da forma mais acessível possível. Queremos que possa aceder a tudo sobre (Eu Sou) O Seeker que queira saber de forma rápida e eficiente; que a sua experiência seja agradável e que sinta que encontrou realmente a informação sobre (Eu Sou) O Seeker que procurava.

Para atingir os nossos objectivos, fizemos um esforço não só para obter a informação mais actualizada, compreensível e verdadeira sobre (Eu Sou) O Seeker, mas também nos certificámos de que o design, a legibilidade, a velocidade de carregamento e a usabilidade da página são tão agradáveis quanto possível, para que possa concentrar-se no essencial, conhecendo todos os dados e informações disponíveis sobre (Eu Sou) O Seeker, sem ter de se preocupar com mais nada, já tratámos disso para si. Esperamos ter alcançado o nosso objectivo e que tenha encontrado a informação que pretendia sobre (Eu Sou) O Seeker. Assim, damos-lhe as boas-vindas e encorajamo-lo a continuar a desfrutar da experiência de utilização de scientiapt.com .

The Seeker é uma canção escrita peloscompositores do ABBA Björn Ulvaeus e Benny Andersson no final da carreira do grupo. A canção, entretanto, não foi gravada pelo ABBA, mas foi 'dada' pelos compositores para ser incluída naencenação em Londres de 1983domusicaloriginalmente francês " Abbacadabra ", baseado em 14 canções do grupo. As letras foram alteradas para o show por Don Black e Mike Batt .

A canção foi interpretada pelo cantor e ator BA Robertson , e gravada para o álbum do elenco em inglês . Foi usado como lado B do single "Time".

A canção foi regravada pela Benny Anderssons Orchestra em 2007 com um novo refrão e letras completamente novas, bem como um novo título " Upp Till Dig ", e foi tocada por Helen Sjöholm .


Opiniones de nuestros usuarios

Laura Dos Santos

Esta entrada sobre (Eu Sou) O Seeker era exatamente o que eu queria encontrar.

Marcio Fagundes

É sempre bom aprender. Obrigado pelo artigo sobre (Eu Sou) O Seeker.

Gilberto Gama

Acho muito interessante a forma como esta entrada em (Eu Sou) O Seeker está escrita, lembra-me dos meus anos de escola. Que tempos bonitos, obrigado por me trazer de volta a eles.